Markus Zusak – Eu sou o Mensageiro

Publicado em 26.11.10

Eu sou o Mensageiro Devo admitir que eu não levei muita fé no livro “Eu sou o Mensageiro” antes de começar a lê-lo. Já estava há tanto tempo na minha lista de livros para ler, ia sempre deixando pra depois e fui perdendo a vontade de ler. Mas hoje, depois de dois dias e três horas mergulhada em 318 páginas, digo que foi muito bom e muito prazeroso ler esta história.

“Se um cara como você consegue fazer o que você fez, talvez todo mundo consiga. Talvez todos possam superar seus próprios limites de capacidade.”

O livro é narrado por Ed Kennedy, 19 anos, taxista. Nunca fez nada de importante na vida e vive em uma casa com um cachorro fedorento de 17 anos. Um dia, Ed impediu um assalto a banco e, depois disso, sua vida virou de cabeça para o ar. Ele começa a receber cartas de baralho com endereços e nomes de pessoas. Ele tem uma missão, e precisa cumpri-la. Mas como? Ele começa a seguir os endereços e os nomes para descobrir.
O livro é escrito em uma linguagem muito solta, cheia de gírias que chega a ser engraçado. É uma lição para todas as pessoas que querem superar alguma coisa em suas vidas e que querem realizar ou ter algo, nem que seja um momento de companhia com um sorvete ou novas luzes de natal.

Gabi Orlandin
Post escrito por: Gabi Orlandin

Ano novo: recomeçar

Publicado em 22.11.10

Finais de ano sempre me deixam alegre. A perspectiva de o ano terminar e começar de novo é sinal de renovação, de ânimos novos, de novas listas de afazeres a cumprir no novo ano que se inicia. Não somente pelo fato do ano terminar e recomeçar, a ideia de recomeço é que me agrada. Sempre gostei de saber que tenho muitas coisas a fazer até que o ano termine, para que o outro comece com uma energia nova, com a mente e o corpo limpos para recomeçar tudo o que foi feito no ano que se foi – mas melhor, sempre melhor.

Recomeço é o que temos que praticar todos os dias para nunca esquecer – saber que somos capazes de realizar tudo o que desejamos, fazer o que temos que fazer da melhor maneira possível, encarar a vida como um desafio agradável de ser vivido, dia após dia. Recomeçar é como optar por ter um dia bom ou um dia ruim: você vai decidir o que será feio por meio de suas ações, por isso, faça coisas que lhe tragam bem estar e não fique em dívida com a sua consciência.

Recomece todo dia de bem com a vida, pois ela é curta e pode ser muito mais prazerosa se você souber aproveitar. E lembre-se que ainda temos pouco mais de um mês até o ano acabar, por isso, acerte suas dívidas consigo mesmo e faça o que precisa fazer, deixando suas energias renovadas para um recomeço sempre melhor do que o anterior.

Imagem do post: Hoschie

Assuntos:
Gabi Orlandin
Post escrito por: Gabi Orlandin

Recomeço

Publicado em 16.11.10

Cá estou novamente com um blog novo. Eu realmente, realmente não me canso disso, nem de quebrar a cabeça com códigos e malditos acentos do WordPress (porque sempre existem estes acentos pra nos complicar a vida).
Fazia mais de um ano que eu estava sem blog, se eu não me engano, e senti saudades de ter um espacinho onde publicar textos e coisinhas próprias, um cantinho só meu. O meu último blog, o Urbantopia.org, bem, não me lembro porque eu parei com ele, acho que meio que cansei de blogar e o nome em si já não combinava mais comigo. O nome deste blog iria ser gabiorlandin.com.br, pois espero que este dure mais do que um ano, pelo menos, e vou usar como forma de portfólio também. Mas como não gosto do meu nome ser extremamente grande, optei por Fluffy, que é lindo, soa lindo e é muito fofo.
Como post inicial (está péssimo, sim, mas eu não sei começar blog, nem post, nem nada, portanto, considerem isso como um post inicial) é isso que tenho a dizer. No decorrer dos dias – e pretendo atualizar toda semana – trago coisas novas para vocês.
Não esqueçam de deixar o seu comentário com um recado, uma sugestão, enfim, o que você quiser dizer! E sejam bem-vindos!

Imagem do post: Hoschie

Assuntos:
Gabi Orlandin
Post escrito por: Gabi Orlandin
Subir!