Você tem um blog, mas não sabe como deixá-lo ainda melhor? Ou você tem ideia de começar um blog, mas não sabe o que é essencial pra fazê-lo bem feito? Então esse post pode ser útil pra você! Eu já fiz um post aqui no Fluffy sobre 8 coisas que vão deixar seu blog ainda melhor, mas hoje as dicas serão mais gerais. Quero falar de coisas bem básicas e essenciais pra quem quer ter ou melhorar o seu blog, de uma forma bem feita e que vai gerar resultados positivos.

Espero que seja super útil, e que você possa tirar algumas ideias e dicas daqui! Vamos lá? :)


1. Planejamento

Tudo começa com planejamento. E um planejamento pra blog pode conter as categorias que você irá abordar, os temas dentro dessas categorias, o público alvo, a frequência de postagens e por aí vai. Se o seu blog já existe, também é válido analisar quais posts geram mais resultado e apostar nesse tipo de conteúdo para atrair mais visitantes e agradar os seus leitores. Saiba exatamente quais assuntos você vai abordar e trace uma estratégia em cima disso.

A frequência de postagens também é muito importante. De nada adianta você postar cinco vezes em uma semana, e depois passar um mês sem atualizar. A chave é a frequência. Se você não consegue postar muitas vezes na semana, pense na frequência que você conseguiria manter. Se você tem pouco tempo, é bom separar alguns posts com antecedência e deixar agendados. Caso contrário, você acabará pulando posts e, com o tempo, perderá o ritmo e a motivação. O meu calendário 2019 pode te ajudar com isso. Você pode imprimir e fazer um planejamento de datas com antecedência, e já anotar os posts que estão programados. ;)

2. Uma hospedagem confiável

Se você quer manter o seu blog no WordPress, precisará ter um domínio (que é a URL) e uma hospedagem (que é onde todo o seu blog ficará armazenado). Quando comecei a blogar, há mais de 10 anos, cometi o erro de contratar hospedagens super baratas, mas que não ofereciam um bom serviço. Nesses casos, o barato acaba se tornando caro. Por isso, é importante avaliar com cuidado as opções para escolher uma hospedagem com anos de mercado, que tenha atendimento rápido quando você precisa e que já tenha indicações de outros blogueiros. Afinal, todo o seu trabalho ficará armazenado nessa hospedagem, e você quer ter a certeza que tudo está seguro e protegido, né? :)


3. Um layout de qualidade

Não adianta: a primeira coisa que o usuário vê quando entra no seu blog é o layout. Por isso, opte por um tema não só bonito, mas funcional. Ele precisa ter todos os elementos bem visíveis e organizados, para que quem acessa o seu blog saiba o que encontrar, e onde encontrar. Aliás, um campo de busca é fundamental!

Portanto, escolha bem antes de adquirir um layout para o seu blog. Analise todos os detalhes, funcionalidades e até possibilidades de personalização. Tem como deixá-lo com a sua cara? Ele não pesa pra carregar? E muito importante: se você for comprar um tema, veja se o autor está frequentemente fazendo atualizações, para mantê-lo sempre compatível com novas versões de plataformas. Além disso, se o criador do layout estiver ainda ativo, você poderá contatá-lo de precisar de suporte.


4. Espaço para comentários

De que adianta você falar e não receber respostas? Acho que todos os blogueiros sabem que essa dica é fundamental – até porque a gente espera pelos comentários. Mas é bom frisar esse tópico, porque já entrei em blogs sem campos de comentários (claro, existem posts restritos e isso é exceção a essa regra). Ou ainda: campos de comentários confusos e difíceis.

O leitor que está lendo seu texto e quer comentar, fará isso se não demandar muitos logins e tempo. Quando ele tem que digitar muitas coisas, e enfrenta alguns obstáculos para deixar sua opinião, ele poderá desistir e sair do seu blog sem deixar aquele comentário que você tanto espera. Por isso, coloque-se no lugar de quem interage, e deixe seu campo de comentários aberto, visível e fácil, sem interferências.


5. Perfis nas redes sociais

Isso também é básico, mas vale o tópico. Tenha uma conta em redes sociais e que tenha relação com o seu blog. Não adianta o seu blog se chamar X e o perfil se chamar Y. Talvez as pessoas não irão associar aquele perfil àquele blog. Ok, tem blogs que a gente segue e tem nomes diferentes nas redes, isso não é problema. Mas você não acha muito mais coerente que as redes tenham a mesma identidade do blog? Minha opinião! :)

E muito importante: você não precisa ter uma conta em cada rede social existente. Você não terá tempo para gerenciar todos os perfis, afinal, cada rede social possui uma linguagem e um posicionamento diferente e único para os seus posts. E além disso, o seu público não está em todas as redes sociais. Faça um estudo de quem lê o seu blog. Por exemplo, muitas das pessoas que lêem o Fluffy não estão no Linkedin, por isso o Fluffy não está lá. Em contrapartida, estou no Instagram e no Facebook, porque meus leitores estão por lá. Então, esteja onde seu público está.


Mesmo que meu blog já tenha 8 anos, eu gosto muito de me atualizar com dicas para sempre melhorar. Afinal, a gente sempre pode melhorar! Então, espero que esse post tenha sido útil pra você! Se foi, compartilha com quem tem um blog, e com quem quer criar um! E me diz nos comentários o que você acha essencial em um blog, ok? ;)

POSTS RELACIONADOS

1 resposta

  1. AMANDA

    21.05.2019

    Oi Gabi, tudo bem?
    Que bacana sua postagem, e bem direta. Dicas simples mas que fazem toda a diferença. Eu fechei o meu antigo blog há um pouco mais de um ano por conta dos estudos, mas confesso que depois de todo esse tempo eu comecei a sentir muitas saudades de blogar, e por isso resolvi recomeçar, mas de uma forma completamente diferente e bem despretensiosa, apenas um lugar simples pra compartilhar, sem muita cobrança sabe? Essas dicas são de ouro, mesmo pra quem já é veterano, pra quem tá começando, ou pra quem simplesmente está recomeçando.
    Abraços,
    Amanda (apenasAva)
    https://apenasava.com

ESCREVA UMA RESPOSTA

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.