John Green – Tartarugas até lá embaixo

Tartarugas até lá embaixo é lançado seis anos após a publicação de A culpa é das estrelas, e é dito como o mais pessoal de todos os livros de John Green. Após finalizar a leitura, fiz uma pequena pesquisa sobre o Transtorno Obsessivo Compulsivo (ou TOC), assunto em pauta na história, e fiquei sabendo que o próprio autor sofre dessa doença que também afeta a vida da protagonista do livro, Aza Holmes, de forma bem similar.

Brian Selznick – A invenção de Hugo Cabret

Há alguns dias, descobri um pequeno arrependimento pessoal no mundo da literatura: o fato de não ter conhecido a história e o mundo (e a invenção!) de Hugo Cabret antes. Cinco anos após a minha aquisição do livro, e dez anos após a publicação pela editora SM, eu finalmente decidi que seria a vez desta leitura. E, uma vez começada, não consegui parar até chegar à última página.

Chevy Stevens – Identidade roubada

Iniciei a leitura de Identidade Roubada sem grandes expectativas. A sinopse, juntamente com o tema, já não me interessavam mais tanto. Porém, como a nota no Skoob estava alta, resolvi dar uma chance. No fim, é difícil encontrar palavras pra explicar tudo o que senti com essa história, mas uma coisa posso dizer: não me arrependo de ter lido!

Novo layout!

Olá, pessoal! Alguém reparou algo de diferente por aqui? Sim, sim, sim! Estamos de layout novo! Eu estou tão empolgada com esse novo visual! Fiquei de olho nesse layout por um bom tempo lá no Creative Market, e não resisti. Ele é exatamente o que eu esperava pra essa…